Notícia

Estudo revela mecanismo para disseminação de resistência a antibióticos entre bactérias

Pesquisadores mostraram que a resistência a antibióticos pode ser transferida entre bactérias Staphylococcus por um processo conhecido como transformação natural

NIAID/NIH via Wikimedia Commons

Fonte

Universidade de Tsukuba

Data

terça-feira, 17 maio 2022 14:25

Áreas

Biologia. Biomedicina. Biotecnologia. Farmacologia. Genética. Imunologia. Microbiologia. Saúde Pública.

A bactéria Staphylococcus aureus é disseminada e geralmente inofensiva, mas pode causar infecções conhecidas como ‘infecções oportunistas’. Estas ocorrem quando as bactérias se aproveitam de certas situações, como um sistema imunológico enfraquecido ou a presença de uma ferida aberta, para causar uma infecção prejudicial. Estas infecções tornam-se particularmente perigosas quando a estirpe bacteriana é resistente ao tratamento com antibióticos. Cepas de Staphylococcus aureus conhecidas como MRSA, que são resistentes ao antibiótico meticilina, estão se tornando um problema significativo em todo o mundo. Recentemente, uma equipe da Universidade de Tsukuba, no Japão, revelou o mecanismo pelo qual essa resistência à meticilina pode ser transmitida entre as bactérias.

Informações genéticas para características como virulência e resistência a drogas podem ser passadas de uma bactéria para outra através da transferência de elementos genéticos móveis, um processo chamado de transferência horizontal de genes. Há uma variedade de métodos pelos quais as bactérias podem realizar a transferência horizontal de genes. O mecanismo pelo qual a resistência à meticilina é transferida não era conhecido anteriormente.

Os pesquisadores da Universidade de Tsukuba mostraram que um processo conhecido como transformação natural é capaz de resultar na transferência do elemento genético móvel que carrega resistência à meticilina, conhecido como SCCmec. A transformação natural envolve as células bacterianas entrando em um estado denominado ‘competência’, no qual elas podem pegar material genético do ambiente fora de sua parede celular.

Quando ocorre uma infecção por Staphylococcus aureus, as bactérias tendem a formar um ‘biofilme’, ​​onde as células aderem umas às outras e à superfície em que estão, formando uma rede organizada dentro de uma estrutura extracelular viscosa. Esses biofilmes são conhecidos por proteger as bactérias do sistema imunológico do hospedeiro e do tratamento médico. O estudo mostrou que o ambiente dentro do biofilme também promove a transferência horizontal de genes.

“Não só o nosso estudo revela mais sobre a propagação da resistência bacteriana, mas estabelece um sistema confiável para detectar a transformação natural em Staphylococcus aureus”, explicou o Dr. Ryosuke Ohniwa, autor principal e professor da Universidade de Tsukuba. “Isso permitirá mais pesquisas sobre como interferir nesse processo e impedir a propagação da resistência bacteriana”, destacou o professor.

“A formação de biofilme parece fundamental para permitir que a transformação natural ocorra”, explicou o professor Dr. Kazuya Morikawa, autor sênior do estudo. “Direcionar a formação de biofilme pode ser uma abordagem promissora para prevenir a evolução de bactérias estafilocócicas e a disseminação da resistência bacteriana pela transferência de elementos móveis do SCC”.

O trabalho, publicado na revista científica Nature Communications, representa um grande passo na batalha global contra a resistência aos antibióticos.

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Tsukuba (em inglês).

Fonte: Universidade de Tsukuba. Imagem: Bactérias Staphylococcus aureus resistentes à meticilina (MRSA) (amarelo) sendo ingeridas por neutrófilos (azul arroxeado). Fonte: NIAID/NIH via Wikimedia Commons.

Em suas publicações, o Canal Farma da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Farma tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Canal Farma e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Farma, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2022 farma t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional nas áreas de Ciências Biológicas, Biomédicas e Farmacêuticas, Saúde e Tecnologias 

Entre em Contato

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account