Notícia

Novo medicamento para doenças cardíacas será disponibilizado no Reino Unido

Até 30.000 vidas poderiam ser salvas na próxima década, graças a uma proposta de colaboração pioneira do governo do Reino Unido com a empresa farmacêutica Novartis para combater doenças cardíacas

Shutterstock

Fonte

Universidade de Oxford

Data

sábado, 25 janeiro 2020 09:30

Áreas

Cardiologia. Desenvolvimento de Fármacos. Farmacologia. Indústria Farmacêutica.

Um medicamento ainda não aprovado, o inclisiran, que tem a finalidade de diminuir o colesterol, será estudado em pacientes como parte de um ensaio clínico em larga escala do Serviço Nacional de Saúde (NHS) do Reino Unido, que deve começar ainda este ano. Além disso, espera-se que a droga esteja disponível por meio de um acordo em nível populacional – pioneiro em uma abordagem revolucionária para reduzir o risco de doença cardíaca.

Os primeiros resultados de ensaios clínicos sugerem que, se o inclisiran for administrado a 300.000 pacientes anualmente, ele poderá ajudar a prevenir 55.000 ataques cardíacos e derrames, e tem o potencial de salvar 30.000 vidas nos próximos 10 anos.

As doenças cardíacas são as maiores causas de morte no mundo e a segunda maior causa de morte no Reino Unido, com mais de três milhões de pessoas sofrendo de doença cardiovascular aterosclerótica e dois milhões e meio atualmente confiando em estatinas para diminuir seu colesterol. Estudos recentes mostraram que o inclisiran pode reduzir pela metade o colesterol ruim em apenas duas semanas.

A Novartis, que concluiu recentemente a aquisição da empresa desenvolvedora The Medicines Company, espera que o inclisiran, administrado como uma injeção semestral, seja aprovado como um tratamento complementar preventivo para pacientes que já foram diagnosticados com doença cardiovascular até o final deste ano.

Também será submetido ao programa de aprovação do Instituto Nacional de Excelência em Saúde e Cuidados (NICE) do Reino Unido na primeira oportunidade possível e o NHS England concordará com um acordo comercial de nível populacional com a empresa para torná-lo amplamente disponível aos pacientes até 2021.

O acordo dará uma contribuição significativa para cumprir o compromisso do plano de longo prazo do NHS de prevenir 150.000 mortes cardiovasculares em 10 anos.

Sir John Bell, professor de medicina da Universidade de Oxford, no Reino Unido, disse: “A descoberta e o desenvolvimento do Inclisiran marcam uma mudança importante na abordagem das intervenções farmacêuticas para a saúde pública. Este programa introduziu o uso de dados do sistema de saúde do NHS para reduzir drasticamente os custos, identificando rapidamente populações de pacientes por meio de registros de saúde”.

A colaboração entre a Novartis, NHS Inglaterra, o Instituto Nacional de Pesquisa em Saúde (NIHR) e o Departamento de Saúde da População de Nuffield (NDPH) da Universidade de Oxford representa uma abordagem inovadora para lidar com as principais questões de saúde pública e posiciona o Reino Unido como líder mundial no desenvolvimento de medicamentos revolucionários. A colaboração também inclui a criação de um consórcio industrial e acadêmico para melhorar a eficiência na fabricação do medicamento inovador no Reino Unido.

“Este estudo oferece uma oportunidade para demonstrar como uma pesquisa altamente simplificada pode ser conduzida no Reino Unido usando elementos de design que funcionaram bem em estudos anteriores, como o ORION- 4, combinado com os recursos desenvolvidos para o UK Biobank, como o uso de clínicas grandes e convenientemente localizadas. O estudo fornecerá um teste muito confiável da eficácia e segurança do inclisiran para apoiar uma abordagem de saúde da população no manejo do colesterol e será um exemplo para estudos futuros de outros tratamentos no Reino Unido”, concluiu o Dr. Martin Landray, professor de Medicina e Epidemiologia do Departamento de Saúde da População da Universidade de Oxford.

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Oxford (em inglês).

Fonte: Universidade de Oxford. Imagem: Shutterstock.

Em suas publicações, o Canal Farma da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Farma tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Canal Farma e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Farma, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Canal Farma | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Ciências Farmacêuticas, Tecnologias e Saúde da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account