Notícia

Nova abordagem para o desenvolvimento de medicamentos personalizados contra o câncer de mama

Pesquisadores descobriram que a metástase de células de câncer de mama triplo-negativas pode ser interrompida usando o composto à base de platina TriplatinNC

Divulgação, Universidade Griffith

Fonte

Universidade Griffith

Data

quarta-feira, 18 novembro 2020 10:15

Áreas

Desenvolvimento de Fármacos. Farmacologia. Medicina de Precisão.

Pesquisadores da Universidade Griffith, na Austrália, descobriram uma nova abordagem que pode levar ao desenvolvimento personalizado de drogas anticâncer que resistem à metástase (disseminação do tumor) no câncer de mama triplo-negativo.

A quimioterapia tradicional inclui medicamentos à base de metais como a cisplatina, comumente usados ​​para tratar câncer de mama e de ovário. No entanto, muitas dessas quimioterapias tradicionais têm efeitos colaterais graves e os cânceres tratados por esses tipos de drogas são propensos à resistência aos medicamentos.

Em um artigo publicado na revista científica Angewandte Chemie, pesquisadores do Institute for Glycomics da Universidade Griffith, em colaboração com pesquisadores da Universidade Virginia Commonwealth, nos Estados Unidos, propuseram uma abordagem completamente única para a terapia de câncer por meio da proteção de açúcares de sinalização importantes na superfície de células tumorais, evitando assim a metástase do câncer.

O pesquisador principal, Dr. Anil Gorle, disse que a abordagem foi fundamentada na descoberta de que a metástase de células de câncer de mama triplo-negativas pode ser interrompida  usando o composto à base de platina TriplatinNC, desenvolvido pelo professor Dr. Nicholas Farrell, coautor do estudo.

“Esta descoberta abre caminho para o desenvolvimento de medicamentos anticâncer baseados em metais com menos efeitos colaterais e que poderiam evitar a resistência aos medicamentos. Cerca de 10 a 20% dos cânceres de mama são cânceres de mama triplo-negativos e estudos mostraram que essa forma de câncer de mama tem maior probabilidade de se espalhar para além da mama e também é mais provável de reaparecer após o tratamento”, destacou o Dr. Gorle.

A professora Dra. Sue Berners-Price, coautora do estudo e líder mundial no campo da química inorgânica medicinal, liderou o desenvolvimento de uma nova área de atuação – a metaloglicômica – um estudo sistemático da interação de compostos à base de platina definidos com base nos açúcares presentes na superfície das células. “É importante ter como alvo as vias fundamentais através das quais o câncer se espalha para outras partes do corpo. Este estudo mostrou que a proteção de carboidratos por drogas de platina é uma abordagem para desenvolver drogas anticâncer que irão prevenir a metástase, limitando o tumor primário a uma região relativamente restrita e permitir uma intervenção medicamentosa eficaz nesse local”, ressaltou a professora Berners-Price.

“A utilidade do conceito de metaloglicômica neste estudo forneceu a chave para permitir novas abordagens para combater o câncer de mama triplo-negativo por meio do desenvolvimento de medicina translacional”, disse o professor Dr. Mark von Itzstein, diretor do Institute for Glycomics e também coautor do estudo.

“Isso poderia oferecer uma abordagem terapêutica alternativa e menos agressiva para combater a doença, em oposição às abordagens mais drásticas usadas hoje, como radioterapia e quimioterapia”, concluiu o pesquisador.

Acesse o resumo do artigo científico (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade Griffith (em inglês).

Fonte: Sarah Lukic, Universidade Griffith. Imagem: Professora Sue Berners-Price e Dr. Anil Gorle em laboratório da Universidade Griffith. Fonte: Divulgação, Universidade Griffith.

Em suas publicações, o Canal Farma da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Farma tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Canal Farma e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Farma, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Canal Farma | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Ciências Farmacêuticas, Tecnologias e Saúde da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account