Notícia

Pesquisadores desenvolvem estudos sobre o câncer de pulmão com alternativas ao uso de animais

Modelo desenvolvido pelas pesquisadores do Trinity College Dublin é formado por células de câncer de pulmão humano e fibroblastos saudáveis

Pixabay

Fonte

Trinity College Dublin

Data

sábado, 19 dezembro 2020 10:40

Áreas

Desenvolvimento de Fármacos. Oncologia. Pesquisa.

O trabalho de pesquisa da Dra. Dania Movia e da professora Dra. Adriele Prina-Mello, do Laboratório de Caracterização Biológica de Materiais Avançados (LBCAM) do Instituto de Medicina Translacional do Trinity College Dublin, na Irlanda, está citado em uma base de conhecimento desenvolvida pelo Laboratório de Referência da União Europeia (UE) para Alternativas aos Testes em Animais (EURL ECVAM).

A base de conhecimento está disponível gratuitamente para download.

O EURL ECVAM é parte integrante do Centro Comum de Pesquisa da Comissão Europeia (JRC) e inclui uma série de deveres para promover a Substituição, Redução e Refinamento dos procedimentos com animais em pesquisa.

No início deste ano, o EURL ECVAM empreendeu um estudo para revisar modelos não animais disponíveis e emergentes no campo de doenças do trato respiratório, incluindo o câncer de pulmão.

A partir disso, foi produzida uma base de conhecimento única que contém descrições detalhadas de modelos não animais que podem ser usados ​​para pesquisas em doenças respiratórias e para o desenvolvimento de novos medicamentos e terapias. Espera-se que a base de conhecimentos seja especialmente útil para as autoridades competentes dos Estados-Membros da UE, a fim de garantir que os cientistas tenham considerado devidamente a utilização de modelos e métodos não animais na sua investigação.

De acordo com o EURL ECVAM, mais de 21.000 resumos da literatura científica foram selecionados para construir a base de conhecimento. Destes, 284 publicações foram selecionadas pela EURL ECVAM para compilar a base de conhecimento, para descrever os modelos mais representativos e inovadores na área. Dois artigos publicados pelas pesquisadoras do Trinity College Dublin e seus colaboradores foram incluídos na seleção.

O modelo desenvolvido pelas pesquisadores do Trinity College Dublin é formado por células de câncer de pulmão humano e fibroblastos saudáveis. Esses dois tipos de células são cultivados juntos de forma tridimensional, para formar o chamado tumoroide. O tumoroide está na interface ar-líquido, ou seja, seu lado apical está em contato direto com o ar. Isso replica as condições em que o câncer de pulmão se desenvolve no paciente.

O tumoroide replica mecanismos de quimiorresistência multi-drogas e processos de sinalização de ativação de feedback observados em pacientes com câncer de pulmão, e que são responsáveis por seu mau prognóstico. Assim, o tumoroide fornece uma nova ferramenta relevante para o ser humano, permitindo o rastreamento de eficácia de drogas anticâncer inaladas.

Por que os modelos não animais são importantes na pesquisa do câncer de pulmão?

O câncer de pulmão é mais do que nunca a principal causa de mortalidade relacionada ao câncer em todo o mundo, com mais de 1,5 milhão de mortes a cada ano. Em média, cerca de 2.500 pessoas são diagnosticadas com câncer de pulmão todos os anos na Irlanda. O prognóstico dos pacientes é extremamente ruim. Embora haja várias razões para isso, as limitações dos modelos animais para capturar aspectos críticos da doença humana estão sendo cada vez mais citadas como uma questão crítica no desenvolvimento bem-sucedido de medicamentos eficazes contra o câncer de pulmão. Por exemplo, os medicamentos inalados oferecem enormes oportunidades no tratamento do câncer de pulmão. No entanto, nenhum medicamento anticâncer inalado existe até o momento. O problema é que os modelos pré-clínicos atuais têm limitações críticas para prever o comportamento e a ação de tais tratamentos em pacientes.

A perspectiva da pesquisa está mudando, portanto, para modelos não animais e humanos relevantes que podem avançar na compreensão do câncer de pulmão, na capacidade de desenvolver terapias eficazes e, finalmente, oferecer uma nova esperança aos pacientes.

Acesse a base de dados aberta EURL ECVAM Review of non-animal models in biomedical research – Respiratory tract diseases (em inglês).

Acesse a notícia completa na página do Trinity College Dublin (em inglês).

Fonte: Catherine O’Mahony, Trinity College Dublin. Imagem: Pixabay.

 

Em suas publicações, o Canal Farma da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Farma tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Canal Farma e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Farma, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Canal Farma | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Ciências Farmacêuticas, Tecnologias e Saúde da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account